Como ser um ator com orçamento limitado

Como ser um ator com orçamento limitado

 

Geralmente, o tempo como ator é o tempo que mais se aprende em como lidar com dinheiro. É importante economizar quando se consegue um trabalho pois não se sabe quando se conseguirá outro, com o mesmo valor recebido. E as contas não vão esperar.
Investir em si mesmo é a chave do sucesso. Poucas indústrias adotam a educação continuada e trabalham o seu oficio da mesma forma que os profissionais de teatro.
É necessário fazer aulas de dança, oficinas de audição, aulas de voz e treinamento de musica, para se tornar um ator melhor e o dinheiro gasto com isso não deve ser considerado como dinheiro desperdiçado ou perdido, pois nessa profissão, é importante sempre ser um estudante e investir em si mesmo.

O Orçamento.

As vezes os tempos são bons e os empregos brotam, e outras vezes não. A vida fora do teatro também é assim mas as pessoas muitas vezes não precisam enfrentar essa realidade da mesma maneira que os atores.
Muitos atores vivem de salário em salário e quando o dinheiro aperta, muitos pensam que um orçamento não é necessário, mas estão redondamente enganados, pois ter um orçamento certo (aluguel, supermercado, etc..) é uma das poucas maneiras de garantir que o dinheiro seja reservado para economizar.
Logico que o primeiro passo é você amar o que faz. Passamos mais de 70% do nosso tempo na semana no trabalho, então faz sentido encontrar alegria não

monetária nela.

Algo cada vez mais presente no universo dos atores é o escambo artístico. Isso acontece quando um artista realiza algum trabalho por meio de permuta, atua em troca de outro tipo de pagamento que não seja dinheiro (como por exemplo material editado para portfolio, alimentação, transporte, entre outros).
Essa pratica tem ficado popular, principalmente por conta de projetos universitários e até da pandemia, que fechou as casas de teatro e atrasou as produções de cinema e televisão.

Grupos no Facebook voltados exclusivamente para atores, mostram vagas que não oferecem cache, e também dividem a opinião dos artistas. Sempre tem alguém que aceita trabalhar em troca de alguma coisa que não seja dinheiro e há também quem recusa terminantemente realizar esta forma de trabalho.
Alguns atores concordam que esse tipo de trabalho pode ser oferecido para estudantes, mas não para atores já formados, pois eles vivem disso. Para eles, todo profissional, independente da área, deve ser pago, pois é o seu trabalho, até porque os castings feitos pelos produtores de projetos universitários ultrapassam o limite de requisições.

Atores também já foram estudantes e tiveram gastos com cursos e chega a hora de conseguir o pagamento por tudo isso.
O que leva um ator a trabalhar de graça, na maioria das vezes, é o desespero de querer preencher currículo, ou aceitam para obter visibilidade, contatos e material de trabalho. Alguns atores podem ver isso como uma alavanca em sua carreira também, pois quem sabe não são descobertos por algum diretor ou produtor e com isso ganhar a fama que tanto sonham.